fbpx
C3 e Aircross ganham nova caixa de câmbio
13 de julho de 2017
Ford reforça a família Ranger
28 de maio de 2018

Novo Toyota Camry chega em março

  Modelo será comercializado no país em versão única, XLE, mais potente e com visual mais esportivo

A Toyota confirmou para o primeiro trimestre do ano a chegada do novo Camry ao mercado nacional. Apresentada no Salão de Detroit de 2017, a oitava geração do sedã tem visual marcado por linhas mais modernas, itens de série adic ionais, motorização mais potente e nova transmissão. Pedidos do modelo já podem ser feitos nas 242 concessionárias da rede Toyota de todo o Brasil, com valor sugerido de R$ 189.990. Em Caxias do Sul, a marca é representada pela Terrasol (www.terrasol-veiculos.com.br). 

O Camry 2018 é o terceiro veículo da montadora a ser desenvolvido sobre a plataforma TNGA (Toyota New Global Architecture ou Nova Arquitetura Global da Toyota), além de C-HR e Prius, este último também comercializado no Brasil. Sobre esta plataforma, o Camry obteve aumento em sua rigidez torcional na ordem de 30% em relação ao mo delo atual. O avanço possibilitou ganhos em estabilidade, controle direcional e, consequentemente, redução de ruídos e vibrações dentro da cabine.

Resultado da incorporação da plataforma TNGA, ocupantes do banco traseiro têm mais espaço interno. O sedã ficou 35 mm mais comprido, 15 mm mais largo e com entre eixos 50 mm maior. O modelo ainda moveu seu centro de gravidade para uma posição mais baixa, ficando 25 mm mais próximo do solo. O painel também está em uma posição mais rebaixada, possibilitando maior espaço para as pernas e ampla visibilidade. Em comparação com o modelo antigo, o console central é cerca de 30 mm mais largo e 40 mm mais alto.

O novo Carmy está mais potente e com melhores níveis de eficiência de combustível. O veículo é equipado com motorização V6 3.5 litros DOHC de 24 válvulas e novo sistema VVT-iW de temporização de válvula variável para admissão. O sedã recebeu sistema de injeção direta D-4S, com ângulo dos injetores otimizado para aumentar a pressão interna do combustível. A combinação confere ao sedã potência de 310 cv e torque de 37,7 kgf.m a 4.700 rpm. De acordo com o INMETRO, o veículo apresenta dados de consumo de 8,3 Km/l na cidade e 11,5 Km/l na estrada. A oitava geração tem nova transmissão automática de oito velocidades com novo conversor de torque.

Visual esportivo

A nova geração se destaca pelo design esportivo, com faróis bi-LED e luzes diurnas em LED, grade frontal renovada, diferentes opções de cores externas e de acabamento interno e rodas de liga leve em 18 polegadas. O modelo recebeu sistema multimídia com nova tela LCD de oito polegadas, compatível com funções de DVD player, CD-R/RW, MP3, WMA e AAC, rádio AM/FM, sistema de navegação GPS, câmera de ré, Bluetooth® e seis alto falantes. O volante multifuncional de três raios possui controles de áudio, telefone, velocidade de cruzeiro e computador de bordo, dotado de tela colorida de TFT de sete polegadas.

O Camry 2018 tem ainda indicador de direção ECO Driving, sistema Star/Stop para acionamento e desligamento do motor por meio de botão e Smart Entry com trava e destrava automática para portas dianteiras, traseiras e porta-malas – por aproximação da chave. O sedã conta com ar condicionado de três zonas, diferencial em seu segmento, com temperaturas e ajustes independentes para os bancos traseiros.

Nos bancos traseiros, o modelo possui um novo apoio central para braços, com superfície aumentada em aproximadamente 20%, equipado com painel de controle touch para acesso e regulagem de ar condicionado, áudio, reclinação de encosto por meio de regulagem elétrica e acionamento das cortinas elétricas de privacidade traseira. Cortinas manuais para os vidros laterais traseiros também estão disponíveis.

O sedã ganhou freio de estacionamento com acionamento eletrônico e controle de assistência de arranque em subidas. É equipado com controle eletrônico de tração e estabilidade; sete airbags, sendo dois frontais e dois laterais, além de um de joelho para motorista e de cortina, sendo dois sistemas com duas bolsas cada. Os cintos de segurança dianteiros e traseiros são de três pontos com sistema de retração de emergência, enquanto os traseiros também contam com pré-tensionador e limitador de força.

Fotos Toyota, Divulgação

Roberto Hunoff
Roberto Hunoff
Dedica-se ao jornalismo há 39 anos, tendo iniciado em 1978, na TV Caxias Canal 8, como redator de noticiários. Mas foi na mídia impressa que concentrou sua atividade profissional. Começou no Jornal de Caxias em 1979, passou por Pioneiro, Folha de Hoje e Folha de Caxias. Fundou o Caxias Notícias, sucedido pelo Diário Folha do Sul, e trabalhou nos semanários Tempo Todo e O Caxiense.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *