Vem aí mais uma Feira do Programa Miniempresa

Quem visitar o Shopping Iguatemi nos dias 14 e 15 de junho, das 10h às 22h, vai poder conferir a diversidade dos produtos fabricados pelos alunos de 10 escolas de Caxias do Sul (RS) que participam, neste ano, da 23ª edição do Programa Miniempresa. A feira, que vai se localizar entre C&A e Bella Gulla, com entrada pelo Espaço Lifestyle, vai oferecer para comercialização ao público carteiras, luminárias, mantas, suportes para celulares, almofadas terapêuticas e difusores de ambientes, entre outros itens.

Neste ano, o Programa Miniempresa foi levado para estudantes do 2º ano do Ensino Médio de 10 escolas públicas e privadas de Caxias do Sul. Durante 15 semanas, os jovens ficaram envolvidos em jornadas semanais de três horas e meia, realizadas nas escolas por voluntários da instituição, geralmente no turno da noite. Estudantes na faixa etária de 15 a 18 anos tiveram a oportunidade de participar de uma experiência prática em economia e negócios, aprendendo os processos de montagem e operação de uma empresa, chegando ao grande momento de criar e comercializar o seu produto. Acompanhados por voluntários, conheceram o método Aprender-Fazendo, criado por profissionais de Harvard e disseminado por todo o Brasil.

Por meio do Miniempresa, os alunos dão os primeiros passos para saber o que é uma pesquisa de mercado, como captar recursos, desenvolver um organograma, participar da escolha e reunião de diretoria. Eles começam a ganhar familiaridade com formulários de controle, passam a entender o que é uma ação, formas de investimento e os compromissos legais com impostos e acionistas, até chegar ao grande momento de fabricar e vender o seu próprio produto.

Incentivo ao empreendedorismo

O coordenador da Diretoria de Jovens Empresários da Câmara de Indústria, Comércio e Serviços de Caxias do Sul (CIC), William Cardoso de Oliveira, esclarece que o programa é desenvolvido em Caxias do Sul há 23 anos pela CIC Jovem em parceria com a Junior Achievement. “O programa é um incentivo ao empreendedorismo, pois proporciona aos estudantes do Ensino Médio a experiência prática do mundo dos negócios. Eles experimentam o que significa serem, de fato, donos do próprio negócio. O programa representa uma oportunidade de aprendizado e amadurecimento a quem está prestes a ingressar na vida profissional”, comentou o coordenador da CIC Jovem. Ao final do programa, após a divisão dos lucros entre os participantes e acionistas, a renda arrecadada com a coleta simbólica de impostos é revertida a entidades assistenciais.

A solenidade de formatura, que marca o encerramento das jornadas, está agendada para o dia 19 de julho, às 19h, no UCS Teatro.

MINIEMPRESAS 2019:

  • DOCKPOCK – CETEC
  • PLUSH STORE – COLÉGIO IMIGRANTE
  • PORTCHÊ – ESCOLA IMPULSO
  • MEDIPILLOW – ESCOLA IRMÃO GUERINI
  • SMELLOR – COLÉGIO MADRE IMILDA
  • ECOBAGGIE – COLÉGIO MURIALDO – ANA RECH
  • MURIART – COLÉGIO MURIALDO
  • ECOBEM – ESCOLA SANTA CATARINA
  • FEELS PHONE – COLÉGIO SÃO CARLOS
  • PANTUFARIA – COLÉGIO SÃO JOÃO BATISTA

 

Texto: Marta Guerra Sfreddo

About Author

Avatar photo

Formada em Comunicação Social - Habilitação em Jornalismo - pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), especializada em Comunicação Organizacional pela Universidade de Caxias do Sul e licenciada em Letras pela UCS.

Leave A Reply